Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.uniube.br:8080/jspui/handle/123456789/1042
Título: EDUCAÇÃO AMBIENTAL: UMA POLÍTICA PÚBLICA INACABADA
Autor(es): Silva, Galsione Cruvinel da
Palavras-chave: Meio Ambiente
Educação Ambiental
Temas Transversais
Política Educacional
Data do documento: 18-Fev-2016
Resumo: Muito se tem escrito e falado sobre os grandes problemas da humanidade, causados por prejuízos advindos do descaso com o meio ambiente. Esse trabalho planejado e conduzido dentro da linha de pesquisa “Processos Educacionais e seus Fundamentos”, centra-se na Educação Ambiental, proposta pela Lei 9.795/99 e sua importância enquanto política pública delineada pelos Parâmetros Curriculares Nacionais de 1997. O objetivo principal foi o de investigar sobre as ações educativas realizadas em uma escola pública municipal da cidade de Uberaba-MG, em relação à Educação Ambiental. Trata-se de um estudo de caso, no qual se constatou que este eixo temático é ainda pouco desenvolvido na educação básica, principalmente no ensino fundamental. Esse fato, atrelado ao descontentamento da pesquisadora enquanto professora na educação básica, motivou a realização desse estudo. A Educação Ambiental na escola deveria ser hoje um instrumento muito eficaz para se conseguir criar e aplicar formas sustentáveis de interação sociedade-natureza. Este é o caminho, para que cada indivíduo mude de hábitos e assuma novas atitudes que levem à diminuição da degradação ambiental, promova a melhoria da qualidade de vida e reduza a pressão sobre os recursos ambientais. Para defender esta ideia, a presente pesquisa qualitativa, utiliza-se de fontes bibliográficas e documentais, como: Lei de Diretrizes e Bases da Educação – LDB nº 9394/96 e os Parâmetros Curriculares Nacionais – PCNs (1997), planos de disciplina, atas de reuniões da escola pesquisada e outras fontes de informação e análise. A Educação Ambiental, como uma política educacional, experimenta as intempéries e a instabilidade das forças governamentais, à medida que cada uma dá a ela a ênfase que lhe aprouver. Proposta como um tema transversal, a Educação Ambiental encontra grandes dificuldades na escola, pois requer trabalho em equipe e professores de tempo integral, o que não acontece na maioria das escolas. Sem planejamento e trabalho em equipe, o tema transversal cai no esquecimento da gestão escolar e da política pública maior. O resultado final da pesquisa não surpreendeu, à medida que constatou aquilo que já fazia parte do conhecimento comum: a escola está longe de tratar a Educação Ambiental como um tema importante que pode contribuir para a preservação da vida e do meio ambiente.
URI: http://dspace.uniube.br:8080/jspui/handle/123456789/1042
Aparece nas coleções:2016

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
GALSIONE CRUVINEL DA SILVA.pdf1,03 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.